Em 2017 a Ambiente Público Consultoria em Sustentabilidade elaborou o Estudo de Impacto Ambiental da ampliação do aeroporto, coordenando uma equipe multidisciplinar que contava com engenheiros, biólogos, botânicos, entre outros, abrangendo diagnósticos de flora, avifauna e fauna terrestre.

Linhares é um município brasileiro do estado do Espírito Santo com população estimada em 2016 é de 166.491 habitantes distribuída em uma área de 3504 km². Linhares é a principal cidade do norte capixaba, com alto índice de desenvolvimento e considerada atualmente como uma das melhores cidades capixabas para investimento.

O Aeroporto de Linhares é um dos 4 aeroportos do Espírito Santo incluídos no PDAR – Plano de Desenvolvimento da Aviação Regional, criado pelo Governo Federal em 2012, que será reformado para voltar a receber voos regulares de cargas e passageiros. Um total de 200 milhões de reais será destinado para a reforma dos 4 aeroportos do estado, são eles: São Mateus, Linhares, Colatina e Cachoeiro do Itapemirim. O investimento é para a construção de nova pista, pista de taxiamento, pátios e obras complementares.

Licenciamento ambiental de aeroportos

O licenciamento ambiental do aeroporto é de competência do IEMA – Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, tendo como empreendedor a Prefeitura Municipal de Linhares. Os estudos técnicos necessários à análise são norteados por Termo de Referência emitido especialmente para o caso.

Estudo de Impacto Ambiental (EIA)

O principal estudo é o EIA – Estudo de Impacto Ambiental, que é exigido para os empreendimentos impactantes que apresentam potencial de transformação do meio ambiente. É um relatório técnico robusto, onde se avaliam as consequências para o ambiente decorrentes do projeto com base em um diagnóstico ambiental da área de influência e os fatores ambientais nos meios físico, biótico e antrópico. Nele encontram-se identificados e avaliados de forma imparcial e meramente técnica os impactos que o projeto, tanto na fase de construção quanto na operação, poderá causar ao ambiente e às questões econômicas e sociais, assim como apresentar medidas mitigadoras.

Em 2017 a Ambiente Público Consultoria em Sustentabilidade elaborou o Estudo de Impacto Ambiental da ampliação do aeroporto, coordenando uma equipe multidisciplinar que contava com engenheiros, biólogos, botânicos, entre outros, abrangendo diagnósticos de flora, avifauna e fauna terrestre.

Estudo de impacto ambiental do novo aeroporto de Linhares ES